BEM AVENTURADOS OS POBRES (HUMILDES) DE ESPÍRITO

BEM AVENTURADOS OS POBRES (HUMILDES) DE ESPÍRITO

maio 12th, 2021
Simone Machado

BEM AVENTURADO OS POBRES (HUMILDES) DE ESPÍRITO, PORQUE DELES É O REINO DOS CÉUS.

Jesus inicia seu ministério conforme registra o evangelista Mateus 4.12-25, Jesus ouvindo que João, o batista estava preso, voltou para a Galileia, deixando Nazaré foi habitar na cidade de Cafarnaum, cumprindo a profecia que dizia: A terra de Zebulon e a terra de Naftali, junto ao caminho do mar, além do Jordão, a Galileia das nações, o povo que estava assentado em trevas viu uma grande luz; e aos que estavam assentados na região e sombra da morte a luz raiou. As tribos do norte se desviaram de Deus completamente e foi entregue ao povo Assírio no ano 722 a,C, levado ao esquecimento; os dominadores trouxeram os gentios para esta região, e ali habitava um povo misto; Jesus é o cumprimento de Isaias 9.1,2, Contudo, não haverá mais escuridão para os que estavam aflitos. No passado ele humilhou a terra de Zebulom e de Naftali, mas no futuro honrará a Galileia dos gentios, o cami­nho do mar, junto ao Jordão. O povo que caminhava em trevas viu uma grande luz; sobre os que viviam na terra da sombra da morte raiou uma luz. Os galileus considerado um povo rude, ignorantes. Jesus é a grande luz que revolucionou aquela região, e a Galileia volta ao palco das atenções das nações.

Jesus começou então, a pregar e a chamar o povo ao arrependimento dizendo: Arrependei-vos porque é chegado o reino dos céus. A salvação é um dom de Deus, não será conferida aos homens pelas obras da carne para ninguém se assoberbar, o meio da entrada neste reino é a fé. Em Romanos 10.17 está escrito: De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela a Palavra de Deus. Ninguém seria, é, será salvo, se não por meio da pregação do evangelho do reino. O mundo era um vale de ossos secos, quando Jesus veio a este mundo tenebroso; Ezequiel 37.1-10, A mão do Senhor estava sobre mim, e por seu Espírito ele me levou a um vale cheio de ossos. Ele me levou de um lado para outro, e pude ver que era enorme o número de ossos no vale e que os ossos estavam muito secos. Ele me perguntou: “Filho do homem, estes ossos poderão tornar a viver? Eu respondi: Ó Soberano Senhor, só tu o sabes. Então ele me disse: Profetize a estes ossos e diga-lhes: Ossos secos, ouçam a palavra do Senhor! Assim diz o Soberano, o Senhor, a estes ossos: Farei um espírito entrar em vocês, e vocês terão vida. Porei tendões em vocês e farei aparecer carne sobre vocês e os cobrirei com pele; porei um espírito em vocês, e vocês terão vida. Então vocês saberão que eu sou o Senhor. E eu profetizei conforme a ordem recebida. Enquanto profetizava, houve um barulho, um som de chocalho, e os ossos se juntaram, osso com osso. Olhei, e os ossos foram cobertos de tendões e de carne, e depois de pele; mas não havia espírito neles. A seguir ele me disse: Profetize ao espírito; profetize, filho do homem, e diga-lhe: Assim diz o Soberano, o Senhor: Venha desde os quatro ventos, ó espírito, e sopre dentro desses mor­tos, para que vivam. Profetizei conforme a ordem recebida, e o espírito entrou neles; eles receberam vida e se puseram de pé. Era um enorme exército.

  • Jesus chegou com a mensagem de vida, profetizou a mensagem do reino de vida aos homens, que estavam mortos em seus delitos e pecados, Efésios 2.1, E vos deu vida, estando vós mortos em ofensas e pecados; e todos os que ouviram e creram, reviveram e se colocaram de pé. E hoje um grande exército de salvos!

Jesus convida dois pescadores dizendo: Conforme escreveu o evangelista Mateus 4.18-22, Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens. André e Pedro pescadores no Mar da Galileia, eles eram irmãos carnais, e, foram os primeiros a serem convidados a seguir a Jesus, e eles, decididamente deixaram as redes, e seguiram a Jesus. E logo mais adiante viu mais dois pescadores: Tiago e João filho de Zebedeu, também os chamou para segui-lo, e eles deixando imediatamente o barco, seu pai, seguiram-no.

Jesus percorria a toda Galileia, ensinando nas sinagogas deles (judeus) e pregando o evangelho do REINO e curando todas as moléstias entre o povo. A fama de Jesus correu logo, e por toda Síria, Decápolis, Galileia, Jerusalém, Judeia e dalém do Jordão, se ajuntava pessoas e logo uma grande multidão, e Jesus compadecendo das pessoas, curava-os de suas enfermidades e tormentos, expulsavam os demônios, libertava os lunáticos, levantava os paralíticos, de tal forma que cada reunião a multidão crescia.

  • 1º) BEM AVENTURADO OS POBRES (HUMILDES) DE ESPÍRITO, PORQUE DELES É O REINO DOS CÉUS. As bem aventuranças neste capítulo que iremos estudar, fala de um padrão de vida, que todos os cristãos precisa conhecer e viver. Este ensino foi muito pessoal aos discípulos, a Igreja em formação como corpo e como ministério de Cristo.

No evangelho de Mateus, 11.29, Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração, e encontrareis descanso para a vossa alma. A humildade e a mansidão, são virtudes a serem aprendidas. Jesus estava lançando em rosto às cidades que ele havia pregado nelas a mensagem de vida do SEU REINO, e realizado ali muitos milagres e maravilhas entre o povo, porém, eles continuavam indiferente, orgulhosos, soberbos.

Jesus disse: Tomai sobre vós o meu jugo. No hebraico, a palavra JUGO é (môt), que quer dizer, peça de madeira que serve para emparelhar dois animais unidos para o mesmo trabalho, o mesmo propósito, a mesma missão. Esta expressão tomai sobre vós o meu jugo; é Jesus dizendo, você só aprenderá estas virtudes, se vocês estiverem ligados a mim através do meu jugo. O homem aprenderá a humildade emparelhado com Cristo! É muita humildade de Cristo se dispor a colocar o seu jugo conosco! O apóstolo Paulo na carta aos Filipenses 2.4, não se atende cada um para o que é propriamente seu, mas cada qual também para o que é dos outros.

E nos versos 5-11, fala quem é Jesus, e sua humildade a ponto de se entregar a morte e morte de cruz; Deus o exaltou soberanamente o seu NOME, para que ao nome de JESUS, se dobre todo joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra, e toda língua confesse que JESUS CRISTO, é o SENHOR, para glória de Deus pai. Isso é humildade!

  • Bem aventurados os pobres ou humildes de espírito porque deles é o reino dos céus. Neste texto não se refere estado de posse ou de condição, mas de virtudes.
  • Quando deparamos com a palavra pobre, logo vem a nossa mente, pessoa desprovido de riquezas, de bens, de posse. Pobres, pessoas que não desenvolveram a intelectualidade, de pouco conhecimento. Mas o texto bíblico não está nesta direção, e sim, no ensinamento da virtude do homem ser pobre da soberba, pobre do egoísmo, pobre da exaltação, pobre de seus interesses, pobre de vaidade deste mundo, desapegado seu coração desta vida temporal.
  • Quem tem como se nada tivesse; quem não tem como se possuísse tudo; Romanos 11.36, Porque dELE, por ELE e para ELE, são todas as coisas; glória, pois, a ELE eternamente. Amém.
  • O reino dos céus é constituído de pessoas pobres de espírito egoísta, mas rica de humildade. No livro de provérbios 15.33b, a humildade precede a honra.
  • Altivez de espírito se refere ao comportamento: Amante de si mesmo, ganancioso, arrogante, orgulhoso, soberbo, presunçoso, egoísta, sentimento de superioridade aos outros, é ao contrário dos pobres de espírito, que são pessoas, bondosas; amorosas; que leva as cargas uns dos outros; pensa no outro como pensa em si mesmo; e tudo quanto faz e tem, faz para GLORIFICAR A DEUS

Pastor Bertiê Magalhães

Presidente

Mensagens
Curta Nossa Página